Lisboa Mistura
Lisboa Mistura

À propos de ce festival

Lisboa já foi Moura, Africana, rampa das Descobertas pelo Atlântico e agora é mais europeia que nunca. O Tejo, que nos liga ao Mediterrâneo, ao Atlântico e ao Mundo, já foi também a praça central da cidade e sempre foi uma ponte entre povos. A Ribeira das Naus, junto ao Tejo é até agora o local mais inspirador para este conceito que se afirmou desde 2006 como espaço intercultural destinado à comunidade urbana de Lisboa e aos lisboetas. Usando a música e a cultura urbasna como ponte para as dimensões sociais e políticas que integram o cosmopolitismo de uma Lisboa pujante e cheia de desafios teremos o Tejo como uma fronteira habitável que nos acolhe e desafia. Aliás usar o rio Tejo como metáfora de cruzamentos, misturas férteis e de ecologias da curiosidade é natural para o Lisboa Mistura. Junto com o Lisboa Mistura vem a OPA – Oficina Portátil de Artes, projecto artístico que traz jovens da periferia ao centro da cidade. A OPA tem sido apresentada nas últimas edições do Festival e tem como objectivo potenciar novas formas de cruzamento entre a criação artística multidisciplinar e a formação promovendo a cidadania activa.

Logement

Besoin d'un endroit pour rester pendant le festival? Comparez toutes les offres d'hôtels disponibles et Airbnbs ici.

Suiveuses

Lisboa Mistura Ana Camões
Lisboa Mistura Joana Chumbo
Lisboa Mistura Henrique Chaves
Lisboa Mistura Luis Santos
Lisboa Mistura Diana Mendes
Lisboa Mistura Paulo Vilela
Lisboa Mistura Pedro Miguel Ferreira
Lisboa Mistura Raquel Rodrigues
Lisboa Mistura Mariana Freitas